Vou sempre tropeçar
nessas linhas que deixamos por amarrar na nossa história
soltas como os cadarços de alguém que saiu com pressa.
O problema não foi ter acabado
O problema foi acabar como acabou, sem ninguém falar nada.

Anúncios

Nota

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: